Vereador Gildejânio Coelho Melo tem mandato extinto em Ouricuri-PE



Na noite desta terça-feira (16) em mais uma sessão virtual da Câmara de vereadores da cidade de Ouricuri-PE, foi posto em votação o requerimento do vereador Francisco Rodrigues da Silva (Nanias de Santa Rita), que solicitava o reconhecimento das faltas do vereador Gildejanio Coelho Melo e consequentemente a perca do mandado.

Foram dez votos favoráveis e duas abstenções (Recusa voluntária de membro de assembleia de intervir, como participante, em discussão, deliberação, decisão etc.), dos vereadores Ivaldo Jota e Iran Severo. O vereador irmão Daniel não compareceu a sessão, com justificativa.

Em sua defesa, o agora ex-vereador Gildejânio Melo, declarou que não compareceu as sessões por está recluso e não por vontade própria, mas o parecer jurídico da Câmara foi favorável ao requerimento do vereador Nanias de Santa Rita, assim como do relator o vereador Giba.

Gildejânio Melo, deixou o presídio Dr. Edvaldo Gomes em Petrolina-PE, no Sertão do São Francisco, após cumprir parte da pena em regime fechado de 2 anos, 8 meses e 7 dias.

O vereador foi condenado a 11 anos e seis meses de reclusão, devido a um plantio de maconha ter sido localizado em sua propriedade, no Sitio Seriema, zona rural de Santa Filomena-PE, em abril de 2017.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Morre Socorro Parente do cartório de Ouricuri-PE

Agentes comunitários de saúde e de endemias de Santa Cruz-PE reivindicam plano de cargos e carreiras para a categoria

Compesa informa abastecimento em Granito PE