quinta-feira, 25 de agosto de 2022

Pró-Leite Pernambuco começou a qualificar produtores no Sertão do Araripe


Pernambuco, que é o segundo do Nordeste na produção de leite, iniciou um novo projeto para acelerar e expandir o desenvolvimento deste arranjo produtivo especial. O Governo do Estado lançou, em parceria com o SEBRAE-PE, o chamado Pró-leite Pernambuco, que visa qualificar 60 produtores da bacia leiteira localizada no Sertão do Araripe, beneficiando suas famílias e 250 pessoas de forma indireta. Além de Exu, onde foi lançado, a ação beneficiará os municípios de Bodocó, Granito, Ouricuri e Araripina. O objetivo é aumentar 5% da capacidade produtiva de pelo menos 70% dos produtores rurais destes municípios e ter pelo menos 70% deles com implantação de volumosos na propriedade e melhoria na composição do rebanho.

A qualificação terá duração de um ano e vai favorecer, de forma indireta, cerca de 250 pessoas que dependem da bacia leiteira para geração de renda nessa região sertaneja. Pelos últimos dados do IBGE, em 2020, Pernambuco produziu 1,062 bilhão de litros de leite por ano, quase a mesma quantidade da Bahia (1,064 bilhão de litros de leite), mesmo tendo quase metade do rebanho do estado baiano. 

“A produtividade em Pernambuco é mais alta por questões genéticas, de manejo e assistência técnica. Isso mostra a importância de investirmos neste arranjo produtivo no Sertão do Araripe, a partir de um longo debate com representantes da Central de Oportunidades de Exu, coordenada por Demóstenes Saraiva”, disse o secretário do Trabalho, Emprego e Qualificação, Alberes Lopes. 

O projeto incentiva produções existentes e o crescente mercado de laticínios, que mostra oportunidades de negócios derivados da criação de vacas leiteiras. Este mercado propicia geração de renda durante todo o ano, envolvendo produção, processamento e distribuição de produtos lácteos.

O setor agropecuário do Sertão do Araripe pode assumir um papel preponderante no processo de desenvolvimento econômico dos municípios de Exu, Bodocó, Granito, Ouricuri e Araripina/PE. O Pró-leite Pernambuco habilitará produtores de leite e criadores através de consultorias e capacitações com a introdução de novas tecnologias que ajudarão na gestão de suas propriedades e aumento da produtividade, gerando indicadores zootécnicos e econômicos mais efetivos e competitivos. 

A atividade produtiva respeita o tripé da sustentabilidade (econômico, social e ambiental). Os produtores que serão atendidos pelo projeto fazem parte do agronegócio de pequeno porte, ou seja, da agricultura familiar, encontrando-se em vulnerabilidade econômica. Com isso, a proposta pretende contribuir para a melhoria do bem-estar social dos participantes, no que diz respeito ao aumento do emprego e da renda gerada pela atividade. 

O Pró-leite Pernambuco contribuirá na valorização da pecuária de base familiar e evitará o êxodo rural, principalmente dos jovens filhos e filhas de produtores. Do ponto de vista ambiental, o agricultor familiar aprenderá a realçar a pastagem nativa e explorar as riquezas que possui, visto que Pernambuco tem variedades de cultura de grande resistência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário





Hemope abre inscrições para concurso público com vagas para Ouricuri

As inscrições para o concurso público que oferece 92 vagas para  a Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Pernambuco (Hemope) foram aberta...

Arquivo do blog